Aparecida

Aparecida: conheça o Santuário brasileiro da fé católica

Conhecida como a capital da fé, a cidade de Aparecida, no Vale do Paraíba, atrai milhares de fiéis do mundo todo. O município, surgiu, como conta a história popular, a partir de um milagre atribuído à Nossa Senhora Aparecida. Conta-se que três pescadores saíram para a pesca no Rio Paraíba do Sul.

Porém, devido à época, havia uma escassez de peixes. Após muitas tentativas de jogar a rede em vão, os pescadores rezaram e pediram para Virgem Maria para ajuda-los. Após as preces, jogaram a rede no rio e “pescaram” uma imagem de uma santa. Ao jogar a rede novamente, ela voltou farta de peixes. E o milagre foi atribuído a santa aparecida no rio.

Novos milagres

Após o episódio, a imagem ficou por vários anos na casa de um dos pescadores e o local se transformou em ponto de encontro dos fiéis que queriam rezar diante da santa encontrada. Mas a cada ano que passava e a cada novo milagre atribuído a Santa, o número de devotos ia aumentando.

Então, em 1745 foi construída a primeira capela em devoção a Nossa Senhora Aparecida. A capela foi ficando pequena para receber a quantidade de fiéis e em 1888 uma nova igreja foi construída, hoje a Basílica Velha.

Basílica Velha
A primeira Basílica fica a alguns quilômetros do Santuário

Fotógrafa: Cristiane • CC-BY-SA-4.0

Velha porque ela também já não conseguia mais comportar o número de devotos que vinham em devoção e, em 1955, foi erguido o Santuário Nacional, em louvor a Nossa Senhora Aparecida.

As basílicas são os principais cartões postais da cidade. A Basílica Velha é toda construída em arte barroca e é ponto certo de visitação dos turistas. Já o Santuário Nacional recebe, por ano, mais de 12 milhões de fiéis.

O Complexo do Santuário conta com vários espaços abertos à visitação como o nicho que abriga a imagem de Nossa Senhora Aparecida, a Sala das Promessas; as Capelas das Velas, do Santíssimo, do Batismo, da Ressurreição e de São José; a Torre Brasília; o Morro do Presépio e o Centro de Apoio ao Romeiro (praça de alimentação, lojas de souvernirs, farmácia, fraldário, bancos, Museu de Cera, aquário e parque de diversão).

imagem: Santuário Nacional
O Santuário Nacional recebe milhões de pessoas todos os anos

Fotógrafo: Marcelo F. Fernandes • CC-BY-SA-4.0

Além das basílicas, outros pontos que também são muito visitados são os bondinhos, a Torre Mirante e o Morro do Cruzeiro. O Morro do Cruzeiro impressiona por sua opulência. São 685 metros de altitude e uma cruz de aço de 23 metros que pesam 25 toneladas. Para chegar ao ponto mais alto para visitação é preciso pegar o elevador panorâmico. A vista 360º impressiona! Do alto é possível ver quase toda a cidade.

Aparecida, símbolo da fé católica do brasileiro, encanta por sua beleza e pela religiosidade de seus visitantes.

Ah, e antes de me despedir:

Uma curiosidade sobre a cidade

Você sabia que o nome da cidade não é Aparecida do Norte, como é muito conhecida por aí? Pois é, a cidade chama-se apenas Aparecida.

A expressão Aparecida do Norte surgiu depois da construção da estrada de ferro. Os devotos embarcavam no trem em São Paulo e diziam que iriam descer em Aparecida da estação Norte. Com o passar dos anos, a palavra estação sumiu, ficando apenas Aparecida do Norte, que é como a cidade é chamada pelos devotos até hoje.

Leia Aqui