feira de pedra sabao
A feira de pedra-sabão fica no Largo do Coimbra, bem no Centro de Ouro Preto

Fotos de Samara Araújo

Como havíamos contado no texto sobre a Feirinha de Artesanato, a história da Pedra-Sabão em Ouro Preto tem um forte peso na economia e no turismo da cidade.

As cidades históricas são essencialmente tradicionais. Elas buscam manter certas práticas nas quais elas atravessam a história representando também um patrimônio. O queijo, a cachaça, os móveis e a banda de rua marcam algumas cidades como o centro de referência para muitas outras atividades.

No caso de Ouro Preto, é o esteatito, ou a famosa pedra-sabão, que ocupa esse lugar. Lado a lado com outros ofícios e costumes locais, o trabalho com a pedra influencia no turismo, na economia, na tradição e na identidade da cidade.

Sobre esse mineral

A pedra-sabão se trata de uma rocha metamórfica.

Sua origem está nos processos físicos e químicos que ocorrem em uma determinada massa mineral. Ela é encontrada nas camadas mais profundas da crosta terrestre. Ou seja, quando submetido a uma determinada pressão, uma mistura de magnesita, clorita, tremolita, quartzo e, principalmente, talco, dá origem à pedra-sabão.

O talco é um importante fator da composição dessa rocha. Sem ele, ela não teria o nome que tem, porque sua superfície não seria lisa e um tanto quanto aveludada ao toque. É só pegar em uma panela de pedra-sabão para sentir que sua textura é bem específica.

Sua história no mundo

Acredite se quiser, mas a descoberta da pedra-sabão não ocorreu em Ouro Preto.

Pode parecer engraçado, mas muitas pessoas acreditam que nós só conhecemos essa rocha por causa de sua longa tradição na região dos Inconfidentes. Tem tantos artigos feitos com ela, uma infinidade de artigos nas boutiques, que dá pra entender quem tem essa ideia.

Mas uma pesquisa rápida na internet sobre a pedra-sabão revela que ela já era usada antes de Cristo no Oriente Médio.

Essa região também exportava o material. E, ao longo dos séculos, a descoberta de suas características fez com ela fosse utilizada em muitas lareiras na Europa e esculturas na Ásia Menor.

Sua capacidade de retenção do calor é, assim como sua capacidade aguentá-lo, fantástica. Trata-se de uma rocha muito resistente, motivo pelo qual nós a encontramos no Cristo Redentor. Isso mesmo. Nessa escultura de cerca de 30 metros, erguida entre 1926 e 1931, são placas de pedra-sabão que a revestem.

Em Ouro Preto

pedra sabao ouro preto

Aqui na sede do município não há extração de pedra-sabão. Existe apenas o tratamento dela e os artesãos que a transformam em artigos de venda e exportação. Esses artigos, em sua maioria, estão na Feirinha de Pedra-Sabão, no Largo do Coimbra.

As principais pedreiras que abastecem o comércio da cidade estão no distrito de Santa Rita de Ouro Preto, em Acaiaca, Ouro Branco e Viriato.

As famílias e a tradição

Muitas famílias estão ligadas ao manuseio da pedra-sabão. Trata-se de um ofício passado entre gerações, preservado pela continuidade dos valores tradicionais e pela possibilidade de renda.

Há uma grande quantidade de pessoas que vivem da fabricação de esculturas. Dentre elas, panelas, tabuleiros de xadrez e dos muitos outros objetos em pedra-sabão. O turismo na cidade estimula a comercialização desses objetos e muitos deles são levados para o exterior. Lá fora, uma vez conhecidos, esses trabalhos passam a ser encomendados em grandes remessas.

Isso porque o trabalho desses artesãos, além de contar com muita qualidade, é credibilizado pelo legado de Antônio Francisco Lisboa (1738 – 1814), o Aleijadinho.

Superando todas as limitações físicas impostas por uma “doença misteriosa” que o tomou a partir de 1777, o artista criou centenas de esculturas que ainda hoje estão disponíveis para a visitação. Uma delas é a Igreja de São Francisco de Assis. O monumento recebeu o projeto da fachada e vários adornos do artista.

Uma lembrança em pedra-sabão

feira de pedra sabao em ouro preto
O nível de detalhamento nas peças impressiona

Se você vier a Ouro Preto, dê uma passadinha nas lojas. Se você não encontrar nenhum artigo em madeira que te interesse, deixe que os artigos em pedra-sabão encontrem você.

As panelas são simplesmente fantásticas e a delicadeza dos entalhes nos pratos, porta joias e caixas de pedra-sabão são sem parâmetros.

Além do mais, os artesãos e vendedores são muito simpáticos. Eles irão te mostrar todas as opções de pedra para pizza e tabuleiros de xadrez. No final do seu passeio, a dúvida vai ser se cabe aquilo tudo no carro.

E aproveite também para assitir a este vídeo, que explica sobre a cultura do artesanato da pedra-sabão:

E se gostou desse conteúdo exclusivo, não deixe de compartilhar o material com seus amigos e assine a nossa LISTA VIP. Com a assinatura você adquire o direito de receber conteúdos quentes no seu e-mail. Aproveite!

The author: Marcelo Candido


Warning: Cannot assign an empty string to a string offset in /home/wolfdesign/public_html/outrosrelatos.com.br/wp-includes/class.wp-scripts.php on line 454